Aproximadamente 100 malotes de diversos bancos foram encontrados por populares na manhã desta quinta-feira (21), nas imediações na BR 222 em Tianguá, próximo à divisa com o Estado do Piauí. Os malotes estavam abandonados em um terreno localizado nas imediações do parque eólico de Tianguá. 
Alguns estavam vazios e outros continham cheques e documentos diversos. Foram visualizados malotes da Caixa Econômica Federal, Bradesco, entre outras instituições financeiras. Essa é a segunda vez que malotes são encontrados abandonados em Tianguá. No dia 16 de fevereiro vários malotes também foram encontrados abandonados próximo ao mesmo local.

A origem do material que possivelmente esteja ligado a assaltos contra instituições financeiras, será investigado pela Delegacia de Tianguá.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil.

Preso na operação Descontaminação, na última quinta-feira, 21, Michel Temer está em uma sala especial preparada de última hora. O espaço era utilizado pelo corregedor da PF e tem banheiro privativo, janela e ar-condicionado. Além disso, existe uma cama de solteiro, sofá, mesa de reunião, frigobar e TV.

O político abriu mão do banho de sol em seus dois primeiros dias de prisão. Esse é um direito dado ao ex-presidente, detido na sede da Superintendência da Polícia Federal no Rio. A decisão de sua prisão foi expedida pelo juiz federal Marcelo Bretas.

Além de Temer, outros nove alvos foram atingidos pela operação. O motivo da recusa ao banho de sol de duas horas teria sido a fuga da exposição, de acordo com informações obtidas pela Folha de S. Paulo. Ao jornal, a defesa do emedebista disse que foi uma decisão dele.

Fonte O Povo



Dois homens tiveram suas vidas ceifadas em dois acidentes de trânsito ocorridos na cidade de Missão velha-CE neste último domingo, dia 24. Inicialmente, um homem identificado por Jeferson Flávio Dantas de Oliveira, de 36 anos, morreu após uma colisão entre veículos na CE- 293.
  De acordo com informações, ele que trafegava em uma motocicleta Honda Fan 125, de placa POQ- 9309  e cor prata invadiu a contramão e acabou colidindo com um Ford Modelo EcoSport, de placa 0SK- 6201. Devido a gravidade do impacto, ele que era  irmão do PM Fábio do RAIO juazeiro e do Sargento Dantas da companhia de Campos Sales-CE  não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O motorista do veículo permaneceu na ocorrência até a chegada da Polícia.Horas depois, outro homem identificado por Cazivanio Macedo da Silva, de 46 anos, foi vítima de um grave acidente.  Segundo informações, ele pilotava uma motocicleta Honda Bros, de cor  Preta,  quando acabou sendo atropelado por um veículo Cross Fox, de olaca HGX- 7637 conduzido por Erandir Bernardo Pereira, de 45 anos, que invadiu a contramão.

O impacto foi tão grande  que a moto explodiu, e  Cazivanio Macedo foi arremessado a alguns metrôs  tendo uma perna e um braço decepados, morrendo no próprio local. O motorista do carro, apresentava sinais de ter ingerido bebidas alcoólicas e foi levado para a Delegacia de Polícia.

News Cariri


Quem utiliza a CE-293, que liga Barbalha a Missão Velha, precisa redobrar a atenção, isso porque no acostamento da via várias crateras foram abertas com as últimas chuvas, potencializando o risco de acidentes no local. Os moradores do Bairro Malvinas são os mais prejudicados por conta do acesso à comunidade. A Secretaria de Infraestrutura de Barbalha já solicitou que o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) tome uma providência para evitar novos acidentes no local. 
O mototaxista José Wellington Teixeira da Costa conta que mora no Bairro Malvinas há cinco anos e que a obra está paralisada desde o final do ano passado. “A duplicação parou e a água da chuva foi só aumentando as crateras. A situação mais crítica é próximo à Avenida Luiz Gonzaga. Tem gente que não pode colocar nem o carro na garagem. Já teve carro que veio de Barbalha e acabou caindo na cratera. É um perigo, principalmente, para quem não conhece a estrada”, afirma José Wellington Teixeira da Costa. 

A dona de casa Maria Lúcia Freitas de Souza diz o que o risco é potencializado no período noturno. “Durante o dia, até tem como ver a cratera se o motorista não vier muito rápido, mas à noite a iluminação é precária e as crateras não são sinalizadas. A gente fica até com medo de sair de casa. A nossa comunidade está ficando isolada e ninguém toma uma providência. Eles dizem que vão retomar as obras, mas até agora nada foi feito. Nós não sabemos mais o que fazer”, desabafa a dona de casa. 

Foram colocados sacos com areia no interior da cratera que fica paralela à Avenida Luiz Gonzaga, mas a medida é paliativa e só quem pode intervir de forma definitiva é o Departamento de Estradas e Rodagens (DER). Em nota, o DER informou que a obra está em andamento, 70% concluída, e que vai solicitar que uma equipe técnica verifique a questão das crateras, além da necessidade de sinalização das mesmas, bem como uma solução definitiva para o problema.

(Jornal do Cariri)


Tecnologia do Blogger.