Fernando Santana (PT), deputado estadual, esteve em Santana do Cariri, no Ceará, nessa sexta-feira, 23, representando o Governador Camilo Santana, para levantamento dos possíveis espaços onde será montado o monumento em homenagem à Benigna Cardoso, assassinada em 1941. Com o deputado, estiveram técnicos do Departamento de Arquitetura e Engenharia do Governo do Estado do Ceará, que realizaram avaliação.

A comitiva foi recepcionada pelo padre Paulo Lemos, vereadores, autoridades da prefeitura de Santana do Cariri e pela comunidade de Inhumas. Pela tarde, em uma audiência privada, o bispo diocesano dom Gilberto Pastana atendeu a comitiva que apresentou o projeto.


CONHEÇA A HISTÓRIA DA MENINA BENIGNA
Benigna Cardoso tinha apenas 13 anos quando foi assassinada. Vítima do que hoje poderia ser considerado feminicídio – termo que ainda nem existia na época -, a órfã tirava água de uma cacimba próxima de sua casa quando Raul Alves, frustrado pela jovem não atender as suas investidas, a atacou com golpes de facão.

A menina era adotada e órfã de pai e mãe biológicos. Inteligente e muito religiosa, era querida no distrito de Inhumas. Por não corresponder às intenções de Raul, o rapaz a matou. Os golpes, de acordo com estudos, começaram pelos dedos da mão e seguiram para testa, pescoço e costas. O crime aconteceu em 24 de outubro de 1941, 9 dias após o seu aniversário.

A religiosidade de Benigna, somada à trágica história, lhe fez ser vista como santa pela população de Santana do Cariri. Até hoje, as pessoas fazem promessas com seu nome e participam de evento em sua homenagem. A celebração ocorre anualmente, de 15 de outubro, data do aniversário de Benigna, até o dia 24, quando morreu. O último dia é marcado pela “missa das flores”, que atrai cerca de 40 mil romeiros.            
       
  (O Povo)

Um acidente envolvendo um automóvel matou na madrugada deste sábado (24), uma mulher e deixou um casal ferido na BR 116, em Penaforte (CE). Por volta de 02h30min, Manoel Teles de Menezes, 46 anos guiava um veículo Polo Sedan 1.6 preto de placa NZX-3252, inscrição de Santa Maria da Boa Vista (PE) transportando como passageiras Ana Alice Gondim, 40 anos e Alyne Maria da Silva, de 27, todos residentes na Rua Josivaldo Matias Leite, Centro de Penaforte, quando ao chegar nas imediações do posto fiscal local o carro ficou desgovernado e capotou.


De acordo com informações da Polícia Militar, Manoel Teles igualmente a Ana Alice sofreram escoriações corporais. O casal foi socorrido pelo SAMU para o hospital de Penaforte enquanto Alyne Maria foi a óbito no local.

O corpo da jovem foi trasladado pela Perícia Forense do Cariri para ser submetido a exame cadavérico na sede do órgão em Juazeiro do Norte.

(Fonte: Caririceara.com)
Fonte:Gazeta Cariri

O governador do estado Camilo Santana (PT) esteve presente no encontro regional da Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert), realizado em Iguatu, nesta sexta-feira (24).


Camilo aproveitou a oportunidade e fez um balanço das principais ações de seu governo e também respondeu perguntas de radialistas sobre diversos assuntos, como recuperação de estradas, segurança pública e educação.

No âmbito da saúde, o chefe do Executivo Estadual destacou a nova plataforma de modernização da Pasta, com investimentos previstos em torno de R$ 600 milhões.

Ao responder o questionamento de um radialista de Iguatu sobre a real situação do Hospital Regional, Camilo Santana fez alguns esclarecimentos, e mandou um duro recado para os gestores cearenses, inclusive para o prefeito Ednaldo Lavor, que estava presente.

"Eu não vou só botar dinheiro para o hospital e deixar o equipamento sendo administrado por (...) nós vamos ter um controle. Não tem sentido nenhum município receber dinheiro do governo federal para fazer uma determinada ação e não fazer, tá errado", pontuou.

Fonte: Iguatu Notícias.

A capela dedicada a São Francisco no Sítio Fechado, distrito de Naraniu, em Várzea Alegre, na região do Cariri, ficou totalmente destruída após um incêndio.


O caso ocorreu na tarde deste sábado, 24, por volta das 15h, e acredita-se que foi ocasionado por um curto circuito. As chamas consumiram parte do teto, porém, não danificaram as paredes.

Segundo informações, um transeunte ao passar pelo local percebeu o incêndio e informou a comunidade.
A
coordenadora da capela, Socorro Sampaio, e a sua filha, haviam saído horas antes do caso acontecer. Elas estavam fazendo faxina.

Após o trágico ocorrido, a comunidade irá se mobilizar para a reconstrução do pequeno templo que foi erguido há 30 anos.

(Fonte: Site Várzea Alegre Agora)
Fonte:Gazeta Cariri

Acontece neste domingo (25) o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), realizado em todo o Brasil através do Ministério da Educação (MEC). A região do Cariri, segundo dados da Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação no Ceará (CREDE), é o segundo maior polo do Estado, com um total de 6.522 inscritos de 28 município que devem fazer as provas em Juazeiro do Norte.

O órgão afirma que todas as 14 escolas estaduais de nível fundamental e médio da cidade receberão as provas do Encceja, que devem ser aplicadas no turno da manhã, das 9h às 13h, e no turno da tarde, das 15h30 às 20h30. No Ceará, os polos de Juazeiro e o de Fortaleza são os que concentram o maior número de candidatos do Estado.

Os portões são abertos com uma hora de antecedência e fechados 15 minutos antes do início da aplicação em cada turno. Para consultar os locais de prova, o candidato deve acessar a página do participante no portal do Inep.

O exameEm cada nível de ensino, são quatro provas objetivas, cada uma com 30 questões de múltipla escolha e uma redação. Pela manhã, serão aplicadas as provas de ciências naturais e matemática, para o ensino fundamental; e ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias, para o ensino médio.

À tarde, os participantes farão provas de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física, história e geografia, e redação para o Ensino Fundamental; e linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e ciências humanas e suas tecnologias, para o ensino médio.
Para entrar nos locais de provas, o participante deve levar documento original oficial com foto de acordo com os permitidos pelo edital. Cópias, mesmo autenticadas, não serão aceitas.

Documentos eletrônicos não valem para o Encceja, como prevê o edital. Quem teve o documento perdido, roubado ou furtado, deve apresentar o Boletim de Ocorrência, expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias anteriores ao dia do exame.

(Fonte: Site Badalo)


Com uma das maiores coberturas de banda larga fixa do País, o Ceará deverá integrar, até 2021, todos os municípios ao Cinturão Digital (rede de fibra ótica instalada pelo Governo do Estado em parceria com empresas locais). No fim de 2018, o Ceará contava com 158 municípios “fibrados”, sendo 113 cobertos pelo Cinturão Digital e o restante por empresas privadas. O número corresponde a 85,8% do total de municípios, sendo a quinta maior participação entre os estados brasileiros e a maior da região Nordeste, segundo atestam dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
“O nosso projeto é cobrir os 184 municípios nos próximos dois anos, seja através de lançamento próprio, seja através de parcerias, que ainda estão em negociação”, afirma Adalberto Pessoa, presidente da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (Etice).

Além da participação do consórcio BWM, formado pelas empresas cearenses Brisanet, Wirelink e Mob Telecom, a expansão do Cinturão poderá contar com a participação de outras empresas, entre as quais a Telebrás. Dos 113 municípios atendidos pela rede de fibra ótica, 94 recebem os cabos na sede municipal. Estas concentram 90% da população urbana do Estado.

Desde que foi implantado, em 2011, o Cinturão Digital vem provocando uma expansão exponencial do acesso à internet via rede de banda larga fixa no interior do Estado. Naquele ano, o Ceará tinha pouco mais de 400 pontos de conexão, e hoje conta com mais de 300 mil.

Custo menor
E um dos efeitos da expansão da malha de banda larga fixa pela fibra ótica foi a queda do preço de planos de internet, o que ampliou a base de clientes das operadoras.

“Há cinco anos, o preço médio do megabit por segundo (Mbps) girava em torno de R$ 200. No ano passado, esse valor passou para cerca de R$ 20, e hoje fica entre R$ 7 e R$ 10”, diz Pessoa. Em estados com redes mais desenvolvidas como São Paulo, por exemplo, o Mbps gira em torno de R$ 12.

Expansão
Antes concentrada em Fortaleza, a malha de fibra ótica começou a se expandir pelo interior a partir de 2015, quando foi feita a operação do cinturão, concedida ao consórcio BWM. Naquele ano, apenas 28% dos pontos de conexão por fibra ótica estavam fora da Capital, e hoje o percentual chega a 80%.

“O Ceará tem a melhor infraestrutura de banda larga fixa do Brasil”, ressalta Pessoa. De acordo com a Anatel, 42 municípios cearenses já têm mais de 75% de conexões feitas com fibra ótica, maior número do País.

“Desde 2015, fruto dessa infraestrutura que o Estado montou com um consórcio de empresas cearenses, houve uma revolução silenciosa dentro do Ceará. Desde então, surgiram mais de 300 pequenas empresas provedoras de internet no Estado”, completa.

A essas empresas, o relatório anual da Anatel credita a responsabilidade pelo aumento das conexões no País: “Nesse contexto, cabe ressaltar a crescente participação dos denominados prestadores de pequeno porte (PPP), cuja atuação permitiu expandir as redes de fibra ótica no Brasil. A atuação dos PPPs possui, pelo menos, duas vertentes relevantes – a ampliação do acesso da população aos serviços em localidades de pouco interesse de operação dos grandes grupos e a melhoria da qualidade dos serviços ofertados”, avalia Pessoa.

Com o impulso gerado pela tecnologia, as próprias empresas participantes do consórcio passaram a investir em redes próprias para expandir suas áreas de atuação. “Além do cinturão, nós temos uma grande rede de backbone (espinha dorsal) que é como se fosse o nosso próprio cinturão”, revela Sayde Bayde, chefe comercial e relacionamento com o cliente da Mob Telecom.

Faturamento

Com cerca de 3,7 mil quilômetros de fibra, e mais de R$ 80 milhões em investimentos, o Cinturão Digital, por meio das empresas que utilizam a rede, movimenta mais de R$ 1 bilhão por ano, volume 230% superior ao de 2015, quando eram movimentados cerca R$ 300 milhões, segundo dados da Etice.
A partir do porte que apresenta hoje, o setor gera uma arrecadação de aproximadamente R$ 20 milhões de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Servïços (ICMS) por ano para o Estado. “Hoje, o cinturão atende mais de 2 milhões de cearenses, que contratam internet fixa nos seus municípios, e muitas vezes não têm noção que estão usando este equipamento”, ressalta o presidente da Etice.

Fonte Diário do Nordeste


Dona Terezinha ganhou bolo de aniversário e a presença dos militares do Raio em um momento ímpar na vida da idosa.Dona Terezinha é uma idosa que reside na Vila Carité, em Juazeiro do Norte.

No dia em fez aniversário de 70 anos, a aposentada realizou o sonho de ter sua primeira festa de aniversário e com direito a presença de militares do Raio,de quem é fã número um.O momento foi de muita emoção para a idosa e familiares e contou com a presença de uma  equipe do RAIO.
]
A corporação presenteou a aniversariante com bolo de aniversário, duas cestas básicas e camisa comemorativa.Dona Terezinha que posou contente para a fotografia  conta que essa foi a primeira vez que celebrou o aniversário com uma festa.

Ela disse que a mãe teve 16 filhos e nunca possuiu condições de proporcionar um momento como esse. “Nunca tive na minha vida. Mamãe teve 16 filhos, se minha mãe fosse fazer aniversário dum fhi, os 15 ficava com raiva” SIC.

A informação de que Dona  Terezinha era fã do BPRaio chegou ao conhecimento da corporação através de um vídeo em que dizia que o sonho da idosa era fazer uma fotografia com os militares.

”Porque o meu sonho era tirar um retrato na mesa com os meus meninos do quartel.Porquê o meu sonho era ter um filho das polícias. Que Deus abençoe vocês, Nossa Senhora do Livramento, livrai vocês.” SIC, disse a idosa agradecendo aos militares.

Foto:News Cariri


O Ministério da Economia aprovou a liberação imediata de R$ 38,5 milhões para o Ministério da Defesa. O valor a ser desbloqueado atende a um pedido feito pela pasta para as operações de combate a queimadas na Amazônia. 
Aeronaves C-130 Hércules atuam no combate aos incêndios. | Divulgação/FAB
"Feitas as primeiras estimativas de valor, considerando o cenário fiscal vigente, o Ministério da Economia aprovou a liberação imediata de R$ 38,5 milhões, procurando atender de forma emergencial pleito apresentado pela Defesa", afirma a pasta em nota. 
O ministério comandado por Paulo Guedes ainda afirma estar acompanhando a evolução do tema e diz que tomará as providências necessárias, em conjunto com a Defesa, para atender o decreto que emprega as Forças Armadas para combater o fogo na região. 
O decreto de sexta-feira (23) autorizou o emprego das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem na Amazônia Legal. O objetivo é criar ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais e fazer levantamento e combate a focos de incêndio. 
Ontem (24), a Força Aérea Brasileira (FAB) começou a usar duas aeronaves C-130 Hércules no combate aos focos de incêndio, os aviões saem de Porto Velho (RO). De acordo com a FAB, o C-130 tem um sistema que pode carregar até 12 mil litros de água.
As aeronaves sobrevoam a área de incêndio a aproximadamente 46 metros de altura e o lançamento dura sete segundos, seguindo uma linha de 500 metros. Após isso o avião retorna para Porto Velho, que é ponto de apoio, e reabastece.
Além das duas aeronaves outras quatro Air Tractor, do ICMBio, também estavam sendo usadas no sábado deFormosa (GO) a Porto Velho para reforçar o combate as chamas.
FOLHAPRESS
Tecnologia do Blogger.