Queiroz, o assessor, faltou de novo ao depoimento

O ex-motorista de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, faltou pela segunda vez a um depoimento marcado na sede do Ministério Público do Rio, informa o G1.
O advogado de Queiroz alegou que seu cliente “precisou ser internado na data de hoje para realização de um procedimento invasivo com anestesia, o que será devidamente comprovado através dos respectivos laudos médicos”. O MP-RJ vai enviar ofício à Alerj sugerindo o comparecimento de Flávio, deputado estadual e senador eleito, para falar sobre o assunto em 10 de janeiro. Segundo o Coaf, o ex-motorista movimentou R$ 1,2 milhão em uma conta bancária durante um ano, mesmo não recebendo mais que R$ 23 mil mensais.

Fonte: O Antagonista
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: