Camilo terá Nelson Martins como coordenador político de campanha


O governador Camilo Santana (PT) já começou a definir os nomes que irão ficar à frente de sua campanha na corrida ao Governo do Estado. Camilo escolheu o atual Secretário da Casa Civil, Nelson Martins, como coordenador político da campanha. Experiente e considerado um homem de diálogo, Nelson é ex-deputado estadual e, desde o ano passado, comanda a coordenação política da administração estadual. Tem um bom trânsito com todas as correntes partidárias e políticas, tanto do bloco de situação quanto do de oposição.
O papel atribuído a Nelson Martins na campanha da coligação a ser puxada pelo PT, com outros 20 partidos, começa oficialmente na convenção estadual marcada para o dia 5 de agosto quando será homologada a candidatura de Camilo Santana a um novo mandato de governador. Nelson terá que se afastar das funções no Governo do Estado por um período de 90 dias e voltará ao cargo logo após o segundo turno da eleição. Camilo já definiu, também, os dois nomes que irão ficar à frente do comitê financeiro da campanha.
Camilo, Cid e Eunício
A chapa de Camilo Santana terá o ex-governador Cid Gomes (PDT) como candidato ao Senado. Há, entre os aliados do Palácio da Abolição, uma quase certeza: Cid cuidará da campanha do irmão à Presidência da República, mas não abrirá mão de uma eleição considerada certa ao Senado Federal.
A segunda vaga ao Senado está, nesse momento, destinada ao Presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (MDB). Cid, Camilo e Eunício fecharão, nos próximos 10 dias, a aliança e a estratégia de campanha ao Governo do Estado e, principalmente, ao Senado uma vez que o MDB deverá ficar fora oficialmente da coligação com o PT e o PDT em função do quadro político nacional.

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: