Lula avisa que não é “pombo-correio para usar tornozeleira”

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva deu, nesta segunda (25), um recado claro à banca de advogados que o auxilia. Ele voltou a afirmar que não tem interesse em pena alternativa e disse que não é “pombo-correio para andar com tornozeleira”.

No recurso em que pede para o Supremo Tribunal Federal analisar pedido de liberdade do petista, os advogados dizem que “o dano concreto que se objetiva cessar é dirigido à liberdade do agravante” — e a palavra liberdade foi grifada.

Fonte: Folha de S.Paulo
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: