» » » Deputado Agenor Neto lamenta proibição da vaquejada no Ceará



O deputado Agenor Neto (PMDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, na sessão plenária desta quinta-feira (13/10) para lamentar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que, na semana passada declarou inconstitucional a Lei Estadual que regulamenta a prática da vaquejada no Estado do Ceará.

Para Agenor Neto, o esporte representa a cultura nordestina e gera mais de 720 mil empregos no país, sendo cerca de 60 mil no Ceará. “A votação foi apertada, de 6 a 5, abrindo a possibilidade de que, por meio de uma forte mobilização social, liderada pela bancada de deputados cearenses em Brasília e aqui no Estado, consigamos unir forças em defesa da reversão dessa decisão”, disse.

Com Iguatu Notícias.

Sobre Ivanildo Souza

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!