Google lança fundo emergencial para jornalismo

O Google lançou na madrugada desta quarta-feira (15) o Fundo de Auxílio Emergencial ao Jornalismo, parte de sua resposta aos efeitos do coronavírus na mídia, com a redução generalizada de publicidade.
O fundo de Auxílio Emergencial ao Jornalismo tem como objetivo oferecer apoio à pequenos e médios veículos de todo o mundo. | Getty Images
Em post assinado por Richard Gingras, vice-presidente de notícias, a empresa destaca que o programa é voltado aos veículos com cobertura regional e local, considerada mais ameaçada.
"O objetivo é oferecer apoio a milhares de pequenos e médios veículos de todo o mundo, bem como a empresas que cobrem o noticiário local", escreve o executivo, sem divulgar o total de recursos a ser investido.
O financiamento será realizado durante a crise atual, com valores que "irão de alguns milhares de dólares para Redações pequenas a dezenas de milhares para organizações de maior porte".
"A indústria de notícias está enfrentando cortes de pessoal, férias coletivas e redução de custos, resultantes da desaceleração econômica imposta pela Covid-19", afirma Gingras. "Temos a responsabilidade de fazer o que estiver ao nosso alcance para aliviar a pressão financeira imposta às Redações."
O Google informa que veículos de imprensa de qualquer lugar podem preencher o formulação de inscrição, que termina no dia 30 de abril, às 3h59 (Brasília).
FOLHAPRESS

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: