Goleiro Wallace, do Guarani, morre em capotagem na Rodovia dos Bandeirantes, em Limeira

(O goleiro Wallace (Foto: Foto: Gabriel Ferrari/ GuaraniPress)

O goleiro Wallace Ribeiro Barato, do Guarani Futebol Clube, morreu neste sábado (27) após uma capotagem na Rodovia dos Bandeirantes (SP-348). O clube de Campinas (SP) confirmou a morte em nota oficial. O acidente ocorreu às 13h58 em Limeira (SP), segundo a concessionária AutoBAn, que administra a rodovia. O passageiro do veículo, Guilherme Bruno de Freitas, 23 anos, sofreu ferimentos leves.

De acordo com a concessionária, o veículo seguia no sentido interior quando capotou, atravessou o canteiro central e foi parar no sentido oposto, capital. O carro capotou no km 140 da rodovia, próximo ao trevo com a Luiz de Queiroz (SP-304).

Freitas foi encaminhado à Santa Casa de Limeira. Segundo a Polícia Rodoviária, o jovem relatou que Wallace perdeu o controle do veículo e atravessou o canteiro. Ele não soube dizer o motivo do acidente, segundo a polícia. Os dois estavam de cinto de segurança. Nenhum outro veículo se envolveu no acidente e não chovia no trecho.

Wallace tinha 22 anos e estava a caminho de Ribeirão Preto, onde passaria o fim de semana com familiares. Ele estava de folga após ter ficado no banco de reservas na vitória do Guarani por 3 a 0 sobre o Água Santa, na noite da última sexta-feira, em Campinas.

Emprestado pelo Vitória, Wallace chegou ao Guarani no início do ano com contrato até dezembro. Ele era reserva de Bruno Brígido no Bugre. Natural de Salvador, ele foi revelado nas categorias de base do Vitória e era visto como um goleiro em potencial para o futuro.
Carro em que o goleiro Wallace, do Guarani, estava capotou na Rodovia dos Bandeirantes, em Limeira (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)
G1
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: