Orla marítima do Ceará está limpa, afirma Ministério do Turismo

O Ministério do Turismo informou nessa segunda-feira que não há mais contaminação por óleo nas praias do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco. Conforme um levantamento feito pelo Instituo Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) foram retirados 4 mil toneladas de resíduos das praias da região.


No entanto, o Ibama ainda ponta a existência de manchas na praia de Fortim, no Ceará e na praia de Pontal de Maceió. Vestígios do óleo também ainda podem ser encontrados nas faixas litorâneas de: Maragogi, Japaratinga, Barra de São Miguel, Coruripe, Feliz Deserto e Piaçabuçu, em Alagoas; Sarney, Atalaia, Artistas, Náufragos, Abaís e Aruana, em Sergipe; Quartel, Rio Vermelho, Pituaçu, Stella Maris, Flamengo, Cairu, Busca Vida e Jauá-Japonês, na Bahia.

O boletim é divulgado diariamente.A empresa responsável pelo derramamento de óleo que atingiu o litoral nordestino poderá pagar multa de R$ 50 milhões, além de indenizações a pescadores e donos de pousadas. Ainda em investigação, a Polícia Federal aponta o navio Bouboulina, de bandeira grega, como o causador do vazamento. Embarcação é de propriedade da empresa Delta Tankers, que havia atracado na Venezuela e seguido para Singapura em julho.

Fonte: Ceará Agora



CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: