Cid Gomes articula reunir 50 senadores de 12 partidos em um “novo centrão”

O senador eleito Cid Gomes (PDT-CE) quer reunir 50 parlamentares de 12 partidos em um “novo Centrão”.  A articulação, que começou logo após das eleições, cresceu.

Na primeira vez em que falou publicamente sobre a composição, no início de novembro no Focus.Summit, o pedetista tinha a expectativa de agrupar 17 parlamentares em um “bloco heterogêneo”.

Ao Estadão, nesta sexta-feira, 25, o ex-governador disse não se incomodar com a comparação com o Centrão da Câmara. “Se Centrão não é ser situação e nem é ser oposição a qualquer custo…”.


A ideia de Cid, que encampa bandeira de Tasso Jereissati (PSDB-CE) para presidir a Casa, é de dividir os poderes do cargo com os demais ocupantes da Mesa Diretora. O modelo seria semelhante ao da Câmara em que cada posto tem uma atribuição específica.

Fonte: Focus.jor
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: