Seca põe 26 cidades cearenses em Situação de Emergência; 5 são do Cariri


Municípios sofrem com a falta de chuvas regulares.
Embora a quadra chuvosa deste ano esteja sendo generosa para diversas regiões do Estado, alguns municípios de distintas regiões cearenses continuam a sofrer com as chuvas irregulares, tendo por consequência uma crise no abastecimento hídrico destes municípios.

Com o objetivo de auxiliar as localidades afetadas, a vice-governadora do Ceará, Izolda Cela (PDT), no exercício do cargo em razão da ausência do governador Camilo Santana (PT), em viagem oficial à China, assinou Decreto na última sexta-feira declarando Situação de Emergência em 26 dos 184 municípios do Ceará.

O texto considera que “a irregularidade das chuvas e as elevadas temperaturas vêm comprometendo o armazenamento de água, causando sérios problemas ao abastecimento, inclusive para o consumo humano e animal desde o ano de 2012, reduzindo o padrão de qualidade de vida da população”.

Municípios em Situação de Emergência:
Beberibe, Boa Viagem, Campos Sales, Caririaçu, Cascavel, Catarina, Catunda, Dep. Irapuan Pinheiro, Itapajé, jaguaretama, Jaguaribara, Jati, Limoeiro do Norte, Milhã, Mombaça, Mosenhor Tabosa, Morada Nova, Nova Olinda, Pedra Branca, Pereiro, Piquet Carneiro, Reriutaba, Saboeiro, Solonopole, Tarrafas e Tauá.

(Diário do Nordeste)

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: