“Muitas pessoas ainda não perceberam a gravidade da situação”, alerta Camilo Santana


O governador Camilo Santana (PT) foi às redes sociais, na noite deste domingo (12), para pedir consciência coletiva à população cearense em meio à pandemia do coronavírus. Ele diz que boa parte dos cidadãos continua se expondo à rotina em meio ao risco de contaminação. 
FOTO: Thiago Gadelha
“Muitas pessoas ainda não perceberam a gravidade da situação. Insistem em não seguir o afastamento social e buscam viver a normalidade num momento anormal”, criticou. O governador disse ainda que vê “imagens de aglomerações que preocupam muito”. 

O Ceará vive o terceiro decreto consecutivo assinado pelo governador como forma de evitar a disseminação do vírus. No Estado já são 76 mortes e 1.747 infectados. Do total, 59 mortes foram registradas apenas em Fortaleza. 

“A polícia, bombeiros e guardas municipais têm procurado orientar e coibir os excessos, mas, se não houver consciência coletiva, a prevenção para evitar o rápido avanço do coronavírus será gravemente comprometida”, alertou o governador. 

Na medida em que o vírus avança, gestores públicos, sem dinheiro para investir na saúde, alertam sobre a possibilidade da curva de infectados subir de maneira desenfreada. O receio de governadores do País inteiro e de prefeitos é enfrentar o colapso na saúde, que é quando não há vagas para tratar todos os doentes.   
                    
(Diário do Nordeste)

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: