Witzel é chamado de fascista por manifestante e ele rebate: 'Maconheiros!'

Durante a cerimônia de inauguração do Laranjeiras que aconteceu na manhã desta sexta-feira (6), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel acabou se irritando com a manifestação de um homem em meio à multidão, no Largo do Machado, que o chamou de fascista em tom elevado. 
Governador disse que 'agora eles vão ter que fumar em outro lugar' | (Reprodução)
Ao ouvir o grito do manifestante, o governador não deixou passar em branco e disparou;
"Olha o maconheiro aí falando! Vocês não vão mais ter lugar aqui, não. Aqui vocês não vão mais fumar. Seus maconheiros! Acabou esta brincadeira. Agora vocês vão ter que fumar em outro lugar, não aqui!" disse o governador, sendo bastante aplaudido pelos convidados.
ASSISTA!


Com informações UOL
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: