Negligência de hospital pode ter ocasionado a morte da esposa do cantor José Roberto


O Cantor José Roberto, um dos ícone da Jovem Guarda, recentemente denunciou o Hospital Regional de Araruama, região dos Lagos no Rio de Janeiro, por não ter acatado o pedido de internação para sua esposa Drikka Viana, através de uma Unidade de Pronto Atendimento-UPA.

Segundo o músico, o fato de esse pedido de internação ter sido negado pode ter ocasionado o falecimento de sua esposa um mês depois em um hospital de Cabo Frio no Rio de Janeiro. Com 45 anos de idade, Drikka veio a falecer no dia 23 de abril do corrente ano. A esposa de José Roberto fazia tratamento de nódulos no peritônio, a mesma doença que causou a morte da apresentadora Hebe Camargo.

Resta saber se a negligência do Hospital Regional de Araruama em ter negado o pedido de internação da paciente teve conotação política, em decorrência de o mesmo ser de competência do Governo do Estado, e a UPA ser administrada pelo município.

Fonte: Jornal Dos Municípios.


CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: