Detran aponta redução de 57% do tráfego no Ceará durante isolamento para conter novo coronavírus

Uma pesquisa realizada pelo Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE) demonstrou que o tráfego de veículos no Estado caiu até 57% durante o período de isolamento social para conter o novo coronavírus. O estudo analisou a circulação diária de automóveis antes e durante a quarentena decretada pelo Governo Estadual. 
FOTO: Paulo Alberto.
Os pesquisadores analisaram rodovias que cruzam a área urbana de Fortaleza e região metropolitana, como  CE-040, CE-060 e CE-085. O estudo também levou em consideração vias estaduais que permeiam grandes municípios e que fazem divisa com outros estados, como a CE-292, na região do Cariri. 

A confirmação dos primeiros pacientes infectados com o novo coronavírus no Ceará foi responsável pela redução imediata em 28% no tráfego de veículos nas rodovias estaduais. Esse comportamento se intensificou com a publicação do decreto do governador Camilo Santana que determinou o fechamento de comércios e restaurantes.
A prorrogação do período de isolamento social por mais 15 dias manteve a circulação de veículos diminuída até a segunda semana de abril, atingindo uma média de 43% de redução em relação ao período anterior à quarentena. Enquanto o trânsito de caminhões, responsáveis pelo abastecimento das residências e serviços essenciais, não sofreu modificações. 

O decreto estadual também estabeleceu a paralisação de transportes rodoviários intermunicipais e metropolitanos de passageiros, regular e complementar, a partir da zero hora do dia 23 de março de 2020. A pesquisa do Detran-CE apontou, no entanto, que a medida não influenciou o comportamento geral na redução de circulação de veículos.                    
   
  (Diário do Nordeste)

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: