Gabigol minimiza discussão com Arão ainda no gramado após empate

Com os ânimos acirrados após o empate por 2 a 2 contra o Goiás nesta quinta-feira (31), Willian Arão e Gabigol, ambos do Flamengo, discutiram asperamente ainda no gramado do Serra Dourada, logo após o apito final.
Alexandre Vidal, Marcelo Cortes & Paula Reis / Flamengo
A caminho do vestiário, o artilheiro minimizou o incidente e disse que o desentendimento foi motivado por questões da partida. "Empatamos, somos Flamengo, queremos sempre vencer. Normal. Briga vai acontecer sempre", disse ao Premiere, que fazia tranmissão da partida.
O volante estava visivelmente irritado com a discussão e demonstrou sua insatisfação em conversa com Jorge Jesus, que entrou no gramado ao final do duelo em Goiânia. Alguns jogadores do Fla intercederam para tentar apaziguar o clima.
O zagueiro espanhol Pablo Marí mostrou contrariedade com o empate, já que o Flamengo vencia por 2 a 0 até os 31min do segundo tempo, quando o Goiás iniciou uma reação com gol de Rafael Moura. "Estava controlado. A esta altura do campeonato, não podíamos empatar hoje. Foram detalhes."
Logo após o time esmeraldino diminuir, o Flamengo teve o goleiro César expulso. Já nos acréscimos, Michael empatou para o Goiás.
FOLHAPRESS
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: