Redução da maioridade penal vai entrar na pauta do Senado

A redução da maioridade penal será uma das matérias prioritárias da base de apoio ao presidente Bolsonaro (PSL), adianta o senador Major Olímpio, um dos candidatos à Presidência do Senado Federal.

O parlamentar também antecipa que outra prioridade será a liberação do porte de armas, além do posse de armas (em residências) que virá por Decreto presidencial. “O legítimo direito à legítima defesa em nada vai acrescer o volume da criminalidade”, afirma o senador.

Bolsonaro conta com 49 senadores na base governista, dos 81 da Casa, contabiliza o chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Aprovada pela Câmara, a PEC 33/12, que estabelece a redução da maioridade penal para os jovens de 18 para 16 anos, estancou na Comissão de Constituição e Justiça.

(com Agências)
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: