Onyx Lorenzoni cai nas mãos do ministro Marco Aurélio


O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, foi sorteado para ser o relator das investigações relacionadas a repasses da JBS para Onyx Lorenzoni, o futuro chefe da Casa Civil de Jair Bolsonaro. 

Onyx é acusado de ter recebido pelo menos R$ 100.000 das empresas de Joesley Batista via caixa 2.

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: