Gerson Camata ex-governador do Espírito Santo é assassinado em Vitória


O ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata (MDB), foi assassinado na tarde desta quarta-feira (26) na Praia do Canto, em Vitória, capital capixaba; O crime tem características de execução e, segundo informações iniciais da Polícia Militar, ele foi alvejado por disparos de arma de fogo, mas não resistiu aos ferimentos
Editora 247
26 DE DEZEMBRO DE 2018

O ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata (MDB) foi assassinado na tarde desta quarta-feira (26) na Praia do Canto, em Vitória, capital capixaba. O crime tem características de execução e, segundo informações iniciais da Polícia Militar, ele foi alvejado por disparos de arma de fogo, chegou a ser atendido por uma equipe do SAMU, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com um sobrinho do ex-governador, ouvido pela imprensa local, o emedebista vivia na Ilha do Frade, mas que ia constantemente ao local onde foi assassinado.

A Secretaria de Estado da Segurança Pública já teria prendido o suspeito do crime, mas ele não teve sua identidade divulgada.

Governador e senador

Gerson Camata tinha 77 anos e era natural de Castelo (ES). Formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) como radialista antes de entrar para a política. Governou o Espírito Santo entre 1983 e 1986, e antes disso havia sido deputado federal, estadual e vereador de Vitória.

Entre 1987 e 2011, exerceu mandatos consecutivos como senador. Era casado com a ex-candidata a vice-presidente da República e ex-deputada federal Rita Camata. O ex-governador deixa dois filhos.


CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: