Violência no começo do feriadão de Finados deixa 11 mortos no Ceará


O feriadão de Finados no Ceará já deixou, ao menos, 11 mortos. O primeiro balanço parcial do período indica que sete pessoas foram assassinadas e outras quatro morreram em acidentes de trânsito entre a madrugada de sexta-feira (2) e a manhã deste sábado (3).

Ainda na sexta-feira, foram registrados assassinatos em São Gonçalo do Amarante, Horizonte, Maracanaú, Forquilha, Crato e Juazeiro do Norte. Já na manhã de hoje, ocorreu um crime de latrocínio (roubo seguido de morte) na cidade de Sobral.

No Trânsito, o acidente mais grave ocorreu na tarde desta sexta-feira, por volta de 14 horas, quando um capotamento deixou mãe e filha mortas na rodovia BR-122, entre os Municípios de Quixadá e Ibaretama, no Sertão Central. AS vítimas foram identificadas como Patrícia do Carmo Silveira, 37 anos; e sua mãe, Eulália Ferreira Dio Carmo Silveira.

No quilômetro 322 da rodovia estadual CE-085, no Município de Granja, o agricultor Francisco das Chagas, 56 anos, morreu vítima de um atropelamento ocorrido por volta das 18 horas de sexta-feira.

Também na madrugada de sexta-feira, uma colisão frontal de um táxi Doblô com um automóvel Celta, no Distrito de Serragem, Município de Ocara (a 101Km de Fortaleza) causou a morte de uma pessoa e deixou outras três com ferimentos, sendo duas delas em estado grave.

Assassinatos

No começo da manhã deste sábado, o jovem Everton de Sousa Lima, 20 anos, reagiu a uma tentativa de assalto na cidade de Sobral e acabou sendo atingido a tiros pelos ladrões que pretendiam roubar sua motocicleta. Baleado, ele teve morte imediata.

Em Juazeiro do Norte, José Willians Lopes Lima, 27 anos, foi assassinado no fim da manhã de sexta-feira nas proximidades de sua residência, no bairro Santa Teresa.

No Crato, o jovem Rafael Alves de Sousa também foi morto, a tiros, no bairro Independência.

Em São Gonçalo do Amarante, o sargento da Reserva Remunerada da PM, Elias Alves Pereira, 60 anos, trocou tiros com bandidos que tentaram matar seu cunhado. O PM foi baleado e morreu no local do tiroteio.

Um homem, ainda não identificado, foi morto a chutes, pauladas e pedradas, na madrugada de sexta-feira, na cidade de Forquilha, na Zona Norte do estado. Na manhã de hoje, a Polícia Militar prendeu um suspeito de participação no crime.

A Polícia registrou, ainda, dois homicídios na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) nas últimas 24 horas, nos Municípios de Horizonte (Centro) e Maracanaú (Conjunto Timbó).
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: