Morre aos 86 anos o jornalista Alberto Dines

Morreu na manhã desta terça-feira, 22, aos 86 anos, o jornalista Alberto Dines. A informação foi confirmada pelo Observatório da Imprensa, onde ele trabalhava.
“É com profunda tristeza que a equipe do Observatório da Imprensa comunica o falecimento de seu fundador, Alberto Dines (1932-2018) na manhã de hoje no hospital Albert Einstein, em São Paulo. Estamos preparando uma edição especial sobre o legado do Mestre Dines a ser publicada em breve”, informou o Observatório em suas redes sociais.
O jornalista, professor universitário e escritor Alberto Dines nasceu em 19 de fevereiro de 1932, no Rio de Janeiro.
Ele iniciou a carreira no jornalismo na revista “A Cena Muda”, na década de 50. Após passagens pelas revistas “Visão” e “Manchete”, assumiu a direção do segundo caderno do jornal “Última Hora”, de Samuel Wainer.
Dines ainda foi editor-chefe do “Jornal do Brasil”, de onde foi demitido em 1973 após a publicação de artigos que criticavam a ditadura brasileira. O jornalista ainda diretor da “Folha de S.Paulo” na sucursal do Rio de Janeiro.
Em 1996, lançou o site “Observatório da Imprensa”, que nasceu de uma iniciativa do Projor – Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo e projeto original do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).
Dois anos depois, o site ganhou uma versão televisiva produzida pela TVE do Rio de Janeiro e TV Cultura de São Paulo.
Com informação do UOL
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: