Crede 18 promove Encontro Regional de Grêmio Estudantil nesta terça-feira (29), em Crato

Coordenadora da Crede 18, Luciana Brito
Acontece nesta terça-feira (29), no Hotel Pasargada em Crato, o Encontro Regional de Grêmio Estudantil, promovido pela 18ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação, sediada no município cratense.

O evento será promovido durante todo o dia e terá a participação de integrantes do Grêmio Estudantil de cada escola estadual de abrangência da Crede 18 localizadas nas cidades de Altaneira, Antonina do Norte, Araripe, Assaré, Campos Sales, Crato, Nova Olinda, Potengi, Saboeiro, Salitre, Santana do Cariri e Tarrafas.

Com o tema “O Papel do Grêmio na Escola e na Política”, o encontro discutirá questões sobre o direito a cidadania, educação, saúde, cultura, diversidade, profissionalização, desporto e lazer, além da participação social e política. A pauta a ser trabalhada foi escolhida após reunião entre os jovens e os profissionais de educação.

O evento é uma preparação para o Fórum Estadual de Grêmios Estudantis que será realizado no dia 7 de junho em Fortaleza, onde dezenas de representantes das unidades de ensino da região do Cariri estarão participando.

A coordenadora da Crede 18, Luciana Brito, destaca a importância da participação dos estudantes nesse encontro...


O que é Grêmio Estudantil?
O Grêmio é uma entidade autônoma, criada e dirigida pelos alunos de uma mesma escola, e exerce relevante papel na implementação da gestão democrática no espaço escolar, competindo-lhe levar à frente as lutas dos estudantes pela melhoria da qualidade do ensino e zelar pela tomada de decisão coletiva. Sua atuação, entretanto, não deve restringir-se aos muros escolares, mas estar em consonância com as causas mais gerais da sociedade para que possa, de fato, contribuir para a formação de estudantes conscientes, críticos e capazes de lutar pelos direitos individuais e coletivos.

É importante lembrar que a livre agremiação estudantil nos estabelecimentos de ensino públicos e privados está assegurada na Lei Federal N° 7.398/85 e na Lei Estadual N° 13.433/2004, sendo de competência exclusiva dos estudantes a definição das formas, dos critérios, dos estatutos e demais questões referentes à sua organização. Ao estabelecimento de ensino caberá assegurar espaços para a divulgação das atividades, bem como a livre circulação e expressão dos grêmios estudantis.
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: