Camilo explica preço da gasolina no Ceará e cita embate com a Petrobras


O governador do Estado Camilo Santana (PT), usou as redes sociais para explicar que o preço da gasolina no Ceará é o mesmo cobrado pelos demais estados do Nordeste.

Camilo observou que o preço do combustível no Estado têm levantado polêmicas, levando a algumas pessoas a colocar, de forma distorcida, que o Ceará tem um imposto alto. "O que o Estado cobra é o mesmo que os estados do Nordeste cobram", declarou.

O governador argumentou que uma forma de baratear o combustível seria através do transporte pelo mar, no entanto, há uma determinação do MPF proibindo a ampliação dos reservatórios de tancagem no Porto do Mucuripe. E não havendo capacidade de ampliação, parte do combustível que chega ao Estado vem de caminhão, assim o frete fica caro.

Camilo também relembrou a polêmica envolvendo a questão da transferência do parque de tancagem do Porto do Mucuripe para o Pecém, e acusou a Petrobrás de barrar o processo, por meio da Justiça. "Hoje existem empresas interessadas em realizar os investimentos. Caso ocorra a liberação para se investir, consequentemente teremos a redução do preço dos combustíveis”, finalizou.
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: