Apresentador e comentarista batem boca ao vivo por causa de Bolsonaro

O presentador do Morning Show, da Jovem Pan, Edgard Piccoli e o comentarista Caio Coppolla bateram boca ao vivo durante o programa desta terça-feira (30).

Os dois entraram em atrito enquanto falavam sobre a reação à recente fala polêmica do presidente Jair Bolsonaro (PSL), ao comentar o desaparecimento do pai do presidente da OAB durante a ditadura militar. Edgard fez duras críticas a Bolsonaro e afirmou que Coppolla estava "relativizando" o discurso do presidente da República.
"É revoltante o que ele [Bolsonaro] diz e não dá para tentar relativizar. O que ele disse é muito ruim e não representa a nação como um todo. Ele é um presidente de todos. É a frase de um tirano, de um déspota, e não de um presidente da República", afirmou o apresentador.
"Eu falei que o presidente tinha que aprender e você só enxerga a parte que você quer ver. O que eu falo é muito mais complexo do que uma frase de lacração, Edgar. Fica muito difícil quando eu tento falar e você, de forma autoritária, fica me interpelando", disse Coppolla. "É uma flagrante grosseria [o comentário de Bolsonaro], não um crime de responsabilidade", comentou ele, que definiu o comentário do presidente Bolsonaro como "displicente”.
Veja:

Fonte: Uol
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: