Camilo Santana foca em formação da Mesa e Reforma Administrativa

O governador Camilo Santana volta a conversar com deputados eleitos na manhã desta segunda-feira (10) sobre os rumos de seu segundo Governo. O chefe do Executivo deve fechar trabalho sobre a reforma administrativa de sua nova gestão, hoje, e encaminhar medidas por decreto ou leis que serão apreciadas pela Assembleia Legislativa.

Até o momento, o governador Camilo Santana já se reuniu com sete parlamentares e outros oito estão agendados para hoje. Dois temas políticos estão na pauta de discussões do chefe do Executivo: fechar questão quanto a um nome de consenso para presidir a Assembleia Legislativa e aprovar uma reforma administrativa moderna do ponto de vista fiscal, segundo tem defendido o secretário de Planejamento Maia Júnior.

Camilo Santana já iniciou uma série de conversas com os parlamentares cearenses neste sentido, desde a segunda-feira passada. Os diálogos foram interrompidos no meio da semana por conta de encontros que teve em Brasília com outros governadores, bem como a tragédia no Município de Milagres, que vitimou 14 pessoas e demandou maior atenção do governador.

De acordo com interlocutores de Camilo Santana, as mudanças na gestão serão feitas através de decretos e propostas, essas últimas encaminhadas para o Legislativo Estadual. Uma das intenções é reduzir o quantitativo de pastas da gestão. As conversas que o governador iniciou com os deputados eleitos para a próxima Legislatura giram em torno da nova composição da Mesa Diretora, comissões técnicas da Casa e, claro, acomodação de aliados na gestão.

O governador sinalizou interesse em renovação dos quadros da Mesa, o que implica no fortalecimento dos nomes de Evandro Leitão e Tin Gomes, ambos do PDT. O atual presidente da Casa, Zezinho Albuquerque (PDT), porém, já demonstrou interesse em mais um mandato, o quarto consecutivo, caso tenha êxito.

Há duas semanas, o secretário de Planejamento e Gestão, Maia Júnior, apresentou uma proposta ao governador sobre um novo modelo de gestão para seu segundo mandato. Após uma semana de férias, Camilo resolveu apresentar o projeto a deputados da Assembleia. O documento projeta o Ceará pelos próximos dez anos, inclusive, apontando metas para futuros governos.

Em um primeiro momento, o governador pretende conversar, individualmente, com todos os deputados eleitos, e em seguida, chamará parlamentares da base governista para tratar sobre a questão da presidência da Casa e Mesa.
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: