Presidente do Guarany nega que time não disputará o Estadual apesar de dificuldades financeiras

O impasse financeiro que atrapalha o início dos trabalhos do Guarany de Sobral para a próxima temporada não deve impedir o time de disputar a Série A do Campeonato Cearense em 2019. Foi o que afirmou o presidente do bugre, Mauro Fuzaro, em entrevista à rádio Cauípe, de Caucaia. O dirigente, no entanto, admitiu que o time está em dificuldades.

“A situação financeira está muito apertada, mas a gente está correndo atrás e acho que nos próximos dias vamos conseguir uma situação favorável para o nosso Guarany de Sobral”, disse Fuzaro, refutando as declarações do ex-diretor de futebol do Cacique do Vale, Marcos Maciel, que havia afirmado na mesma emissora, que o rubro-negro desistiria de disputar o Estadual.

O presidente do Guarany confirmou as dívidas trabalhistas que o time possui, que impedem o repasse do patrocínio da Prefeitura de Sobral, mas afirmou que está tentando negociar caso a caso para liberar o apoio municipal. “A prefeitura sempre foi nosso patrocinador principal e quer ajudar”, disse Fuzaro.

O dirigente estabeleceu o dia 5 de dezembro como a data de início dos trabalhos no Cacique. Ele confessa que alguns jogadores que estavam apalavrados com o rubro-negro já acertaram com outras equipes e admite perder outros atletas. Em contrapartida, está em contatos com equipes de outros Estados em busca de empréstimos de jogadores não utilizados.

Fonte: O Povo
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: