Exercito fará segurança de Bolsonaro no RJ

A pouco mais de um mês da posse de Jair Bolsonaro, o Exército trabalha na montagem da segurança presidencial no Rio de Janeiro. O pedido foi feito pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que ficará sob o comando do general Augusto Heleno.

A equipe terá um major, um capitão, um subtenente e cinco sargentos, sendo três mulheres. Todos deverão passar por testes físicos e de tiros. Cada um embolsará gratificação de até R$ 1.734,92 por mês, para cuidar do capitão na agitada cidade. 

(Agências)
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: