Senadores vão a Jungmann: providências contra WhatsApp

Oito senadores, entre eles Renan Calheiros (MDB-AL), foram ao ministro da Segurança, Raul Jungmann, pedir que a PF ajude a esclarecer o caso do WhatsApp.

Diante da confirmação de que Bolsonaro não pretende participar de debates mesmo liberado pela equipe médica que o atende, o PT vai pedir às emissoras de TV que transformem o espaço em entrevistas com Haddad.

Fonte: Coluna Painel, na Folha
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: