» » Comerciante de 37 anos é vítima de latrocínio em seu estabelecimento comercial em Araripe


DA AGÊNCIA CARIRICEARA-Jota Lopes – Foto: Reprodução/WhatsApp

Um crime de 
latrocínio (Roubo seguido de morte) movimentou o plantão policial no início da noite deste sábado em Araripe, no cariri cearense. 

Uma comerciante de 37 anos de nome Rita Orlanda da Silva que foi morta a tiros.

De acordo com o registro policial, quatro elementos não identificados, chegaram por volta das 18h40min, a uma loja de aparelhos celulares e acessórios, nominada de “LB Celular”, situada à Rua Antônio Nunes de Alencar, 232, Centro de Araripe/CE em duas motocicletas pequenas, tipos Honda, um de capacete e três de cara limpa, ficando um do lado externo do comércio, e os outros três seguido para o interior da loja, onde um deles sacou de uma arma de fogo, semelhante à revolver, e anunciou um assalto, de modo a ameaçar o proprietário do estabelecimento, o comerciante, 
Vitor Alves Pereira Neto, 38 anos residente no 1º andar do prédio aonde funciona a loja, e o seu funcionário Joaquim Alves da Cruz, bem como os clientes que estavam no estabelecimento, vindo a subtrair, uma quantia em dinheiro, não revelada, e diversos aparelhos celulares, especialmente do tipo smartphone. 

No momento da ação criminosa, chegava ao local o Cabo PM da Polícia Militar do Piauí, 
Raimundo Nonato Barbosa da Silva ( Cabo R. Silva), lotado na 4CIA/4ºBPM do município de Fronteiras, de folga e à paisana, num veículo com familiares, de maneira que o individuo que ficou fora da loja passou a disparar contra o referido carro, notadamente por ser policial, já que segundo se apurou, esbravejavam, os outros: “atira que é polícia”, vindo o miliciano retirar-se rapidamente, de sorte que os tiros atingirem apenas carro. 

Nesse ínterim, a esposa do proprietário da loja, a comerciante Rita Orlanda, descia do seu apartamento, quando um dos acusados, a surpreendeu, segurando-a pelo pescoço, fazendo-a refém e arrastando-a para dentro da loja, vindo em dado momento, em que pese a vítima rogar por sua vida, a efetuar disparo contra ela, que veio a óbito no local. Após o ato criminoso os quatro homens fugiram de princípios sentido provavelmente serra da Perua, nos veículos em que chegaram, vindo ainda tomarem de assalto uma moto Bros, na Vila Sipaúba, zona rural de Araripe, dificultando sobremaneira as buscas, devido à possível separação do grupo e destinação e rumos diversos.

A composição policial militar de serviço, sargento Aurílio, soldados Fabrício e Nascimento, sob o comando do Comandante do destacamento de Araripe, Sargento Robert ao tomar conhecimento do ocorrido, iniciou perseguição fundadas nas informações de rota de fuga em comento, inclusive como o apoio da composição policial militar de serviço no Destacamento de Potengi, mas sem contudo lograr êxito até o fechamento dessa matéria. 

De acordo com a policia militar de Araripe, a loja em comento dispõe de câmeras de monitoramento, de forma que a ação fora capturada pelos equipamentos, o que decerto auxiliará nas diligências, sobretudo, nos trabalhos de investigação.

A Perícia Forense do cariri foi comunicada da morte da comerciante e designou perito e o veículo rabecão para fez o traslado do corpo da vítima, bem assim outras providências afeta a correspondente perícia médica.


Fonte Cariri Ceará.


Sobre POTENGI NA INTERNET

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!