Ceará tem 73 mortes por gripe em 2018


O Ceará tem 439 casos confirmados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em todo o estado até o dia 3 de julho deste ano. Em 2018, 73 pessoas morreram por Síndrome Respiratória Aguda Grave. As informações foram divulgadas pela Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa).

A influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e à morte, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças com menos de 5 anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Sintomas
Febre repentina, tosse, dor de cabeça, dores musculares, dores nas articulações e coriza. Em caso de apresentação desses sintomas, a orientação dos especialistas é procurar um médico ou um posto de saúde a mais rápido possível. Além disso, se o paciente apresentar frequência respiratória superior a 25 respirações por minuto, dores no peito, pressão baixa, dedos das mãos e dos pés arroxeados, confusão mental e sinais de desidratação, é sinal de agravamento do quadro clínico.

CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: