Tasso provoca adversários: nossa chapa não tem ninguém na Lava Jato

O senador Tasso Jereissati (PSDB) anunciou nesta quinta-feira (5), durante evento em Maracanaú, que o partido vai participar de uma candidatura de oposição nas eleições de 2018 para o Governo do Estado.

No discurso, o tucano destacou que nenhum dos nomes da chapa tem envolvimento com a Operação Lava Jato, diferentemente do grupo governista, e reforçou a união como forma de resistência.

“É proibido ter nessa chapa e nessa mesa Lava Jato. Dos que estão nessa mesa, não tem ninguém na Lava Jato, não tem ninguém no Mensalão, não tem ninguém de nada disso. Duvido que a outra chapa possa dizer o mesmo. Vamos ver a chapa que vem do lado de lá. Duvido que possam sentar, olhar de frente, de cabeça erguida pra vocês e dizer: ‘Aqui não tem ninguém processado na Lava Jato’. Duvido que isso aconteça! A nossa chapa pede renovação, não apenas em nomes, mas em princípios”, discursou o tucano.

Entre os nomes do grupo de oposição, estão o prefeito de Maracanaú, Firmo Camurça, o vice Roberto Pessoa e a deputada estadual Fernanda Pessoa, sua filha, além do ex-governador Lúcio Alcântara. Os políticos deixaram o PR e agora integram o PSDB.

“Esse grupo que estamos reunindo é o de resistência. Vai para luta confiando no povo”, disse o senador. 
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: