» » Água do rio São Francisco avança em direção ao Ceará

As comportas do reservatório Serra do Livramento do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, em Cabrobó, Pernambuco, foram abertas, ontem, e a água segue em direção às cidades de Terra Nova, Cabrobó e Salgueiro, para depois chegar a Jati, no Ceará. "A obra será concluída neste ano", reafirmou o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, que participou do ato para a liberação da água para o canal da transposição das águas do Velho Chico.

O ministro falou em realizar o sonho de milhares de pessoas e que a água trará desenvolvimento para a região. O recurso hídrico vai percorrer os canais em direção aos estados do Ceará, Paraíba e posteriormente ao Rio Grande do Norte, após construção do Ramal do Apodi.

A perda de reservas hídricas nos açudes estratégicos do Nordeste, desde 2012, preocupa moradores e autoridades. No Ceará, o quadro é de grave crise porque há risco de aprofundamento da queda dos volumes do Castanhão e Orós, responsáveis pelo abastecimento de dezenas de centros urbanos, inclusive da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O secretário de Recursos Hídricos, Francisco Teixeira, ressaltou, recentemente, a dependência do Ceará das águas da Transposição do Rio São Francisco. Ele afirmou: "Torna-se definitiva, inexorável". Disse que a obra deveria ficar concluída até agosto. No Estado, o recurso hídrico vai ser bombeado no reservatório de Jati para o Cinturão das Águas do Ceará (CAC), até Missão Velha, e de lá segue pelo Riacho Seco, em direção ao Rio Salgado. É um caminho alternativo e esse trecho da obra está em conclusão.

Segundo o Ministério da Integração, em Pernambuco, cerca de nove mil pessoas da cidade de Terra Nova já receberão reforço hídrico no abastecimento de suas residências nos próximos dias. O benefício também contribuirá para o desenvolvimento da agricultura.

A água do São Francisco atingirá mais da metade do primeiro trecho (1N) do Eixo Norte, chegando a 80Km. Este trajeto é iniciado na captação do manancial, em Cabrobó (PE), e segue até a terceira e última estação de bombeamento (EBI-3) da etapa, em Salgueiro (PE). Ao todo, a meta 1N tem 140Km de extensão e é responsável por dar funcionalidade ao Eixo Norte, já que a partir desse ponto a água continuará seu fluxo por gravidade até os demais estados beneficiados.

O ministro Helder Barbalho também vistoriou o andamento das obras da Meta 1N, entre as cidades de Cabrobó e Salgueiro. A previsão é que a Meta 1N seja finalizada em meados deste ano em Jati, no Ceará.

Caminho das Águas

A partir do reservatório Serra do Livramento, em Cabrobó, o São Francisco vai percorrer mais 26Km até a terceira estação de bombeamento (EBI-3), em Salgueiro (PE), para completar 80Km do trecho com água. Nesse percurso, passará por mais duas estruturas do Projeto (Aqueduto Salgueiro e o Reservatório Mangueira). No total, a água do Eixo Norte terá passado por duas estações, quatro reservatórios e cinco aquedutos.

Projeto São Francisco

Com 260km, o Eixo Norte está 95% finalizado e é organizado em três Metas de execução (1N, 2N e 3N). Quando totalmente concluído, o trecho poderá atender mais de 7 milhões de pessoas em Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Fonte: Diário do Nordeste

Sobre POTENGI NA INTERNET

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!