Cadastro biométrico pode ser feito até 9 de maio no Ceará

Os eleitores do Ceará que perderam o prazo para o cadastramento biométrico podem regularizar a situação até 9 de maio. Essa é a data limite estabelecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para obter o título pela primeira vez, transferir o documento ou fazer alterações cadastrais - como realizar a biometria -, para votar nas eleições de outubro de 2018.

Quem vai votar em 2018 em uma das 129 cidades do Ceará onde será obrigatória a biometria e não fez o recadastramento teve o título cancelado. Neste caso, deve procurar o cartório eleitoral ou posto de atendimento do TRE no município levando os documentos necessários para regularizar-se. Se preferir, pode agendar o atendimento.

Até o próximo dia 9 de maio, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) espera ultrapassar o cadastramento biométrico de 75% do eleitorado cearense. Hoje, 4.662.434 já estão regularizados, o que equivale a 74,22%. O eleitorado soma atualmente 6.282.136 pessoas no Ceará.

Cidades com biometria obrigatória
O eleitor pode consultar se o cadastro biométrico é obrigatório em sua cidade no endereço (AQUI). Outra alternativa é entrar em contato com o Disque Eleitor no número 148, que funciona de segunda a sexta-feira, de 7 h às 19 h, e fornece qualquer informação relacionada ao cadastro eleitoral.
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: