Bispo e padres são presos acusados de desviar R$ 1 milhão em Goiás

O bispo de Formosa (GO), José Ronaldo Ribeiro, o vigário-geral e outros 4 padres foram presos na manhã desta 2ª feira (19.mar.2018) suspeitos de desvio anual de R$ 1 milhão da diocese do interior de Goiás.

Segundo a investigação do MP-GO (Ministério Público de Goiás), o grupo se apropriava de dinheiro oriundo de dízimos, doações, arrecadações de festas realizadas por fiéis e taxas de eventos como batismos e casamentos.
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: