Açude de Orós vive a maior crise hídrica da história

População de Orós, pede socorro segundo maior açude publico do Ceará está agonizando.


A população do Município de Orós, na região centro sul do Estado. Está preocupada com a greve crise hídrica que vem campeando em todo o município, o principal reservatório hídrico que é considerado como segundo maior açude do Ceará, está agonizando e tem apenas com 9 por cento de sua capacidade total, conforme o D.N.OC.S que é o órgão responsável pela administração do açude público.

 O radialista Josemberg Vieira, afirmou ter 41 anos de idade, e nunca ter visto o açude do Orós, em uma situação tão crítica como essa. Porém, a nossa preocupação maior está sendo a de não ter água nem se quer para consumir em nossas residências. Hoje, o açude está baixando um centímetro a cada 24 hs, além desta pouca que há no açude ainda está sendo levada para abastecer várias cidades da região.
       
Josemberg, disse que há um média de 300 carros pipas cadastrados pegando água diariamente para levar para esses municípios, e a água que está chegando nestas cidades, já é praticamente impropria ao consumo humano. Em Icó, por exemplo a água que vai do açude Orós, por um processo de tubulação já chega nas torneiras residenciais só a lama e com mal cheiro.
O comerciante Vicente Pereira da Silva, disse que devido à gravidade da crise hídrica com o baixo volume d água que há no açude Orós, o comercio da cidade está sendo enfraquecido e as vendas tem caído de maneira intensa, isso está preocupando a todos nós comerciantes.

 Porém, se essa situação permanecer e não chover a tendência e a de haver uma demissão em massa em todos os estabelecimentos comerciais da cidade, mesmo porque as pessoas não estão mas comprando praticamente no comércio.

E o reflexo, desta crise não está só afetando os supermercados e armazéns, mas também as pousadas que estão deixando de receber turistas, estamos apavorados sem saber mas o que fazer só Deus mesmo para nos socorrer pontuou ele.

Fonte: Blog do Amaury Alencar
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: