» » Cuidado! Novo golpe no WhatsApp pode afetar 3 milhões de brasileiros


O tempo passa, mas uma coisa não muda: os brasileiros seguem caindo em golpes disseminados via WhatsApp. O alvo da vez de hackers são pessoas que recebem menos de dois salários mínimos ou que estão desempregadas há mais de um ano. Segundo o DFNDR Lab, laboratório de segurança digital, o golpe envolve a CNH social, instituída pelos governos estaduais para pessoas nestas condições.

A ação, no caso, faz a promessa de que há uma nova seleção de candidatos para a CNH Social, que isenta o usuário de taxas para tirar a habilitação. Já foram identificadas na última semana 270 mil vítimas que usam o sistema da DFNDR. Com base no total de usuários de smartphones no país, o laboratório estima que mais três milhões de pessoas tenham sido afetadas.

O golpe pede que o usuário preencha dados pessoais como nome completo, data de aniversário e Estado no qual reside. Depois, como normalmente ocorre com ataques do tipo, o usuário deve compartilhar a informação com dez amigos ou cinco grupos no mensageiro.

Depois de três cliques no botão de compartilhar, a vítima é levada para uma página do Facebook que contém posts sobre outros programas governamentais, como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida. Isso é uma tentativa de dar ainda mais credibilidade ao golpe. Até a tarde desta quarta (1º), a página tinha 4,5 mil seguidores e o post contava com mais de 10 mil compartilhamentos.

"Neste caso específico, o cibercriminoso está aplicando métodos de engenharia social ao ampliar sua base de contatos para a veiculação de novos golpes e até mesmo ganhar dinheiro expondo/vendendo dados dos usuários. Queremos alertar a população para que evite clicar ou compartilhar links sem antes conferir se são verdadeiros ou falsos", explica Emilio Simoni, diretor do DFNDR Lab.

Para não cair em golpes do tipo, a dica é sempre desconfiar de informações suspeitas que circulem pelo WhatsApp e evitar compartilhar algo que gere dúvidas entre os contatos. O usuário pode ainda instalar aplicativos de empresas de segurança que reconheçam e evitem tais ameaças.

Fonte: UOL

Sobre Ivanildo Souza

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!