» » Temer toma duas medidas sobre a política de armas

O presidente Michel Temer tomou decisões sobre duas leis que abordam a questão do porte de armas. Desde a última sexta-feira (27), é considerado crime hediondo portar armas de uso restrito das forças armadas ou de agentes de segurança pública. Genocídio também passa a ser um crime hediondo.

A mudança, na prática, é que quem for flagrado portando uma arma deste tipo sofrerá uma pena mais dura, impedindo que o suspeito recorra a fianças, perdão por meio de anistia, graça ou então indulto no caso dos que forem condenados.

A outra medida tomada por Temer foi o veto ao projeto de lei que permitia o porte de armas para agentes de trânsito. A decisão recebeu apoio dos Ministérios da Justiça e Segurança Pública e da Casa Civil. O projeto tinha sido encaminhado pelo Senado.

Fonte: Blog do Roberto Moreira

Sobre Ivanildo Souza

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!