Wesley Safadão deixa de comparecer à audiência

O cantor Wesley Safadão não compareceu à audiência de instrução na 30ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza no processo em que o tio do artista cobra R$ 28 milhões alegando o não cumprimento do contrato que o daria participação no lucro de alguns shows.

A defesa de Wesley solicitou ao juiz José Maria dos Santos Sales que retire o músico do caso. Emanuel Hélio Eduardo de Oliveira diz ser um dos fundadores da 'Garota Safada' e ter direito contratual aos lucros da banda, fruto de um acordo firmado em 2003, quando ele comprou um ônibus para o grupo.

O processo é contra a mãe do cantor, Maria Valmira Silva de Oliveira, também conhecida como "Dona Bill", proprietária da banda Garota Safada. Safadão foi intimado como testemunha, assim como a empresa Luan Promoções e Evento também foi.

Fonte: Diário do Nordeste
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: