» » Assassinatos crescem 91% no Ceará em junho

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apresentou, nesta sexta-feira (7), as estatísticas dos números relacionados aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) - homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, no Ceará. De janeiro a julho aconteceram 2.299 assassinatos no Estado. O número é 31,9% maior que em igual período de 2016.

Segundo o estudo, o mês mais violento deste ano foi junho: 474 mortes no Estado, o que representa um aumento de 91% em relação a junho de 2016.

Só em Fortaleza foram 197 CVLIs. Os números da SSPDS também mostram que nenhuma região do Estado reduziu os índices. O secretário de Segurança Pública, André Costa, disse que os picos nos índices registrados na Capital se devem ao poder concentrado das facções em Fortaleza.

Outro problema que vem sendo enfrentado pelos cearenses é o furto. Segundo a SSPDS, em 2017 já foram registrados, por meio de Boletim de Ocorrência, 28.867 crimes desse tipo.

A persistência do acréscimo de crimes mostra que as estratégias que vêm sendo adotadas pelos que estão à frente da Segurança Pública do estado não estão surgindo efeitos desejados. Para o secretário André Costa, a sensação de impunidade dentre os homicidas é a principal motivação para a recorrência de crimes.

Sobre Ivanildo Souza

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!