Eduardo Cunha entra na Justiça para ter direito de repatriar recursos

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) entrou com uma ação na Justiça Federal para obter o direito de repatriar recursos mantidos por ele em contas no exterior. Cunha já teve um pedido negado em primeira instância, em outubro de 2016, o ex-deputado aguarda a decisão de um recurso em tramite no TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região).

Na última semana, o juiz federal Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, condenou Eduardo Cunha a 15 anos de prisão por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. A esposa do ex-deputado, a jornalista Cláudia Cruz, também movo um processo semelhante ao do marido.

(Fonte:Jornal do Brasil)
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: