» » PDT rejeita candidatura em 2018 para apoiar Camilo

O presidente do PDT no Ceará, deputado federal André Figueiredo, negou que o partido tenha qualquer projeto de lançar candidatura própria ao Governo em 2018. Embora a sigla seja a maior do Estado, acrescenta ele, o projeto é continuar apoiando Camilo Santana, que poderá disputar a reeleição pelo PT.

As palavras do pdtista vão de encontro aos boatos que estão sendo espalhados pelo Estado de que o governador Camilo Santana, buscando integrar o projeto de Ciro Gomes na corrida pela presidência da República, disputaria o Senado em 2018, e, isso abriria espaço para o ex-governador Cid Gomes (PDT), irmão de Ciro, concorrer novamente ao governo.

“O PDT tem a clareza de acompanhar apoiando o governador Camilo Santana e nenhuma decisão será tomada sobre a sucessão estadual de 2018 sem discutir com o petista, se ele irá ou não disputar reeleição”, assegura Figueiredo, acrescentando que o próprio Camilo é quem vai conduzir o processo e, segundo ele, o PDT acompanhará qualquer definição. “Nós, apoiamos a reeleição do governador Camilo e tudo vai depender dele resolver se irá ou não disputar a continuação no Palácio da Abolição”, salientou.

Senado
Nos bastidores, aliados afirmam que, com o projeto de Ciro Gomes à presidência da República em 2018, Cid poderá ser candidato ao Senado. O argumento é simples, segundo eles: Cid Gomes não considera o fato de repetir cargos. A outra vaga, hoje, nessa composição é do conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios, Domingos Filho. Ele foi vice-governador do Ceará no segundo mandato de Cid Gomes.

(Informações do Jornal O Estado)

Sobre Ivanildo Souza

Ivanildo Souza falará em breve algo pra você, aguarde!
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

AQUI VOCÊ VÊ E SEUS CLIENTES TAMBÉM.

ANUNCIE AQUI ! ACREDITEM NO CRESCIMENTO DE POTENGI!